17 de set de 2009

Dor semeando crescimento



Elcana . . . tinha duas mulhes ... Penina tinha filhos; Ana, porém, não tinha. 
1 Samuel 1:1-2

Nos dias de Elcana, Penina e Ana, a poligamia era tolerada, e o valor de uma mulher era medido através do número de filhos que ela tivesse gerado. Assim, à medida em que os anos passavam e Ana permanecia infértil, seu sofrimento aumentava.

Mas sua dor fertilizou o solo de seu coração para um grande crescimento espiritual. Ana orou fervorosamente. Quando o sacerdote Eli a viu, até pensou que estivesse bêbada. Mas Ana respondeu: “Não bebi vinho nem bebida fermentada; eu estava derramando minha alma diante do Senhor.” Ao que Eli respondeu, encorajando-a: “Vá em paz, e que o Deus de Israel lhe conceda o que você pediu”.

Samuel, filho de Ana e Elcana, nasceu “no devido tempo”, e foi recebido por Ana como um presente de Deus. Ela o dedicou ao serviço do Senhor. Mais tarde, aquele menino tornou-se um dos mais exemplares líderes da história do povo de Deus.

Como Ana, muitas pessoas descobrem, ainda hoje, que a provação pode aproximá-las de Deus. Ainda hoje, a infertilidade fere muitos casais. Esta história não promete fertilidade a ninguém, mas nos assegura que aqueles que se aproximam do Senhor em suas tribulações o verão conduzir todas as coisas para um propósito útil e bom.

Ore
Senhor e doador da vida, abençoa os casais que desejam ter filhos e ainda esperam por isso. Dá-lhes tua paz, e ajuda-nos, todos, a confiar que, em tudo, trabalhas para o nosso bem. Em nome de Jesus. Amém.

Pense
A dor pode ser o fertilizante da alma para um grande crescimento espiritual.

Fonte: Cada Dia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia as regras:
Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
São publicados aqueles que respeitam as regras abeixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto do post;
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros blogs ou sites;
- Não inclua links desnecessários no conteúdo do seu comentário;
- Se quiser deixar sua URL, comente usando a opção OpenID;

OBS: Comentários dos leitores não refletem as opiniões da blog.

Blog Widget by LinkWithin