Existimos para glorificar a Deus e para servir uns aos outros no amor de Cristo. Queremos ser uma bênção na sua vida. Volte outras vezes! “O coração do homem pode fazer planos, mas a resposta certa dos lábios vem do Senhor”. Provérbios, 16:1.

25 de set de 2007

FILHOTES À VENDA

Um lojista estava fixando na porta de sua loja um cartaz onde se lia “Filhotes à Venda”. Cartazes como esse têm o poder de atrair crianças pequenas e, na verdade, um garotinho apareceu sob o cartaz do lojista.
- Por quanto o senhor vai vender os filhotes? – perguntou ele.
O dono da loja respondeu:
- Entre 30 e 50 dólares.
O garotinho enfiou a mão no bolso e tirou uns trocados.
- Tenho 2, 37 dólares – disse ele. – Posso dar uma olhada neles?
O dono da loja sorriu, assobiou e, do canil, saiu Lady, que veio pelo corredor seguida de cinco pequeninas e miúdas bolinhas de pêlo. Um dos filhotes tinha ficado consideravelmente para trás. Imediatamente, o garotinho indicou o filhote atrasado, que se movia com dificuldade, e disse:
- O que há de errado com aquele cachorrinho?
O dono da loja explicou que o veterinário havia examinado o filhotinho e descobriu que ele não possuía uma articulação do quadril. Ele mancaria para sempre. Seria defeituoso para sempre. O garotinho ficou animado.
- Este é o filhotinho que quero comprar.
O dono da loja disse:
- Não, você não pode comprar este cachorrinho. Se você realmente o quiser, eu darei a você.
O garotinho ficou muito aborrecido. Olhou diretamente nos olhos do dono da loja, com o dedo em riste, e disse:
- Eu não quero do senhor um presente. Aquele cachorrinho vale exatamente tanto quanto os outros e eu pagarei o preço real. Na verdade, eu lhe darei 2,37 dólares agora, e cinqüenta centavos por mês, até que tenha pago tudo.
O dono da loja se opôs:
- Você não quer realmente comprar esse cãozinho. Ele nunca será capaz de correr, saltar e brincar com você como os outros filhotes.
Diante disso, o garotinho abaixou-se e enrolou a perna da calça, revelando uma perna esquerda gravemente deformada e aleijada, amparada por um grande braço de metal. Olhou para o dono da loja e replicou suavemente:
- Bem, eu também não corro tão bem, e o filhotinho precisará de alguém que compreenda isso!
Dan Clark
Weathering the Storm

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia as regras:
Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
São publicados aqueles que respeitam as regras abeixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto do post;
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros blogs ou sites;
- Não inclua links desnecessários no conteúdo do seu comentário;
- Se quiser deixar sua URL, comente usando a opção OpenID;

OBS: Comentários dos leitores não refletem as opiniões da blog.

Blog Widget by LinkWithin