Existimos para glorificar a Deus e para servir uns aos outros no amor de Cristo. Queremos ser uma bênção na sua vida. Volte outras vezes! “O coração do homem pode fazer planos, mas a resposta certa dos lábios vem do Senhor”. Provérbios, 16:1.

5 de abr de 2008

ORIENTAÇÕES AO PACIENTE COM SUSPEITA DE DENGUE

1° HIDRATAÇÃO
Nos casos de dengue a hidratação é de suma importância.O volume a ser administrado deve ser o maior possível de acordo com sua tolerância. O recomendado é em média de 60 a 80 ml de líquido por quilo de peso dia. Assim, para uma pessoa de 60 kg o volume ingerido deve variar de 3,6 a 4,8 lts/dia, nos 5 primeiros dias. A administração deve ser fracionada em pequenos volumes de forma a evitar náuseas e vômitos. Podem ser utilizados sucos, água de côco, reposição com soluções isotônicas (ex. Gatorate), além de soro de hidratação oral.
SOLUÇÃO CASEIRA DE REIDRATAÇÃO
Sal de cozinha - 1 colher de café (3g) Açúcar - 2 colheres de sopa (18g) Água Potável - 1 litro Caso não consiga ingerir o volume adequado devido a presença de náuseas e vômitos, procure um serviço de emergência para hidratação venosa.
2° ATENÇÃO AOS SINAIS DE ALERTA
Procure imediatamente um serviço de emergência caso apresente um dos sintomas abaixo, visto que a presença de um deles pode indicar um quadro de Dengue GRAVE. Estes sinais geralmente aparecem após a fase de melhora da febre (entre 3° e 6° dia após o aparecimento do primeiro sintoma).
SINAIS DE ALERTA
Agitação e/ou Sonolência Excessiva; Diminuição do volume urinário habitual (urina em pouca quantidade e muito amarelada); Temperatura baixa (menor 36°c); Dor Abdominal intensa e contínua;Pulso muito rápido (taquicardia); Tonteiras ao levantar, sensação de desmaio ou desmaio; Vômitos persistentes; Sangramentos (ex. sangramento na gengiva ao escovar os dentes)
3°ACOMPANHAMENTO
Procure seu médico para acompanhamento clínico ambulatorial e controla laboratorial, lembrando que o exame específico para Dengue deve ser solicitado a partir do 6° dia do aparecimento dos sintomas, visto que antes disso pode ser negativo mesmo em presença da doença.
DICAS IMPORTANTES
Fonte: Manual Dengue: Diagnóstico e Manejo Clínico - 2ª edição - 2005 - Ministério da Saúde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia as regras:
Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
São publicados aqueles que respeitam as regras abeixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto do post;
- Em hipótese alguma faça propaganda de outros blogs ou sites;
- Não inclua links desnecessários no conteúdo do seu comentário;
- Se quiser deixar sua URL, comente usando a opção OpenID;

OBS: Comentários dos leitores não refletem as opiniões da blog.

Blog Widget by LinkWithin